O que é preço de venda, como fazer o cálculo e aumentar a margem de lucro?

Finanças 3 de Mai de 2021

Uma das grandes dúvidas de quem está começando uma loja virtual ou física é saber o que preço de venda e como calcular esse valor para que seus produtos tenham uma margem de lucro interessante, ao mesmo tempo que não afastem compradores pelo alto custo.

A primeira coisa que você tem que saber sobre o que é preço de venda é que colocar qualquer preço em seus produtos sem critério não deve ser uma opção!

Aprender como calcular o preço de venda da maneira correta é uma etapa fundamental  para atrair consumidores e garantir que sua empresa terá lucro.

O que é preço de venda?

O preço de venda nada mais é que o valor que você irá cobrar do consumidor pela venda de um produto ou serviço.

No cálculo do preço de venda não deve estar contabilizado apenas o valor que você gasta para produzir ou comprar de um fornecedor seu produto ou serviço. É necessário também incluir nessa conta outros gastos da empresa. Esses gastos, ou despesas, são relacionados ao valor investido para levar seu produto ou serviço até o consumidor e todos os processos de apoio para isso.

Além das despesas e custos de produção, inclua nessa conta a margem de lucro que você busca para seu negócio ou determinado produto.

Se você não sabe como definir a margem de lucro indicamos que leia o artigoQual a margem de lucro ideal para o seu negócio e como calcular?” e assista ao vídeo abaixo com informações importantes.

Como calcular o preço de venda?

Entendido o que é preço de venda, seguimos para a etapa sobre como calcular o preço de venda.

O preço de venda será o somatório dos três fatores que influenciam na precificação dos produtos e serviços de um produto ou serviço: Custos + Despesas + Margem de Lucro.

No entanto, para que essa conta seja precisa é necessário saber o que caracteriza cada um desses tópicos.

O que são custos?

Os custos são valores financeiros ligados diretamente à produção do produto ou a prestação de um serviço, que será oferecido e entregue a um cliente.

Dentro dessa definição, você precisará dividir os custos em dois pilares:

  • custos fixos: salário dos funcionários, compra de matéria prima, conta de luz, entre outros;
  • custos variáveis: manutenção de maquinário, por exemplo.

Para entender o preço de venda que será cobrado, inclua na aba “Custos” todo valor investido durante o processo de produção e acompanhe sempre os custos variáveis para fazer ajustes nos preços, assim, se uma matéria-prima subir de preço, por exemplo, você estará atento para ajustar o preço de venda.

Pense em uma padaria, os custos dessa empresa incluirão: salário dos funcionários, aluguel ou compra de máquinas, compra de farinha e demais insumos e conta de luz, dentre custos variáveis podem entrar parcelas de empréstimo ou manutenção de algum aparelho.

O que são despesas?

Enquanto os custos correspondem aos valores investidos para se produzir as mercadorias ou realizar a prestação de um serviço, as despesas são os outros valores que precisam ser gastos para manter seu negócio.

Assim como em custos, as despesas também se dividem em fixas e variáveis e para entender de fato o que é preço de venda é preciso descobrir quais são as despesas que seu negócio mantém para gerar receita e se manter aberto.

No caso de despesas fixas podemos citar alguns exemplos como:

  • aluguel,
  • salário de funcionário fora da produção (Administrativo, Segurança, Limpeza, etc.),
  • contas de telefone e internet,
  • impostos gerais como IPTU e mais.

Em despesas variáveis, você irá incluir valores gastos esporadicamente em outros pontos fora da produção como:

  • material de escritório,
  • contratação de terceirizados (Contadores, Advogados, etc.),
  • contratação de funcionários temporários,
  • cursos de qualificação,
  • investimentos em marketing.

O que é margem de lucro?

Já falamos acima sobre ela, mas vale o reforço. A margem de lucro nada mais é do que o valor que “sobra” para a sua empresa após se deduzir os valores de custos e despesas do valor final de venda de cada produto ou serviço oferecido.

Essa margem deve ser incluída no preço final para que sua empresa tenha o retorno financeiro em uma venda.

Vamos voltar ao exemplo da padaria que usamos acima: considerando que a soma dos custos e despesas para a produção de um quilo de pão é R$5, a margem de lucro será o valor que você acrescentar ao preço de venda, além desses R$5 iniciais.

Isso quer dizer que, se o seu preço de venda for apenas R$5, sua empresa não terá lucro algum. Se o preço de venda que você estabelecer for de R$6, o seu lucro será de R$1 a cada quilo, ou de 20% a cada quilo.

Logo, se você deseja lucrar R$10 reais em cada quilo de pão produzido por sua padaria, você precisará fazer a soma desse valor ao valor de custos e despesas, o que totalizam: R$15 reais para o seu preço de venda.

E aí, conseguiu entender o que é preço de venda e como calcular o preço de venda? Sabemos que manter um e-commerce não é uma tarefa fácil e exige investimento em capital de giro para arcar com os custos e despesas básicas de um negócio, além de capital para investimento, que permite o crescimento e ampliação da empresa.


Muitas vezes é necessário aporte financeiro para tocar novos projetos e injetar um novo ânimo para sua marca, por isso, indicamos a leitura do artigo, “Quando fazer um empréstimo: 4 motivos em que o crédito é a opção certa”.

A GYRA+ tem planos de empréstimo ideais para o seu negócio digital. Aqui você consegue o aporte financeiro necessário para alavancar seu negócio. Você faz a solicitação do valor desejado e recebe capital de giro em até 24 HORAS, sem burocracias, sem garantias e com as melhores taxas do mercado. Entenda como funciona, no vídeo abaixo.

Solicite uma proposta em nosso site e descubra o crédito que cabe no seu negócio.

Marcadores

GYRA+

Somos uma fintech de crédito que chegou para simplificar a vida do empresário digital. Empréstimo rápido, simples e inteligente.

Ótimo! Você se inscreveu com sucesso.
Ótimo! Agora, complete o checkout para ter o acesso completo.
Bem vindo de volta! Você fez login com sucesso.
Sucesso! Sua conta está completamente ativada, agora você tem acesso completo ao conteúdo.