Como montar um e-commerce SEM estoque?

E-commerce Mar 14, 2020

Iniciar um negócio na internet tem sido uma das opções de muitos empreendedores, por se tratar de uma opção mais econômica, com retorno rápido e com a possibilidade de investimento em automação de marketing para integrar processos. 

Na tentativa de tornar o empreendimento ainda mais enxuto e dinâmico, muitos investidores se perguntam: como montar um e-commerce sem estoque? Isso é possível?

Se você chegou até aqui em busca de respostas a essa e outras perguntas relacionadas ao tema, prepare-se! 

Neste artigo vamos 🌊🌊🌊mergulhar juntos no marzão de possibilidades 🌊🌊🌊 de montagem e manutenção de um e-commerce totalmente sem estoque. 

Bora? 

E-commerce sem estoque: é possível?

Sem mais delongas, vamos à resposta da pergunta mais importante de todas: SIM! É possível montar um e-commerce sem estoque. 

Sabemos que, apesar do investimento em uma loja virtual ser consideravelmente mais baixo do que em uma loja física, gerir quaisquer tipos de estoque pode ser um grande dificultador para quem deseja ver seu negócio gerando retorno rápido. 

Por isso mesmo, vamos entender, juntos, e a partir do próximo tópico, como montar um e-commerce sem estoque. 

Como montar um e-commerce sem estoque?

Preparamos um passo a passo para te guiar na escolha do melhor modelo de vendas e descobrir tim tim por tim tim como funciona um e-commerce sem estoque. Se liga! 

  1. Escolha o melhor modelo de vendas

Antes de qualquer coisa, para entender como montar um e-commerce sem estoque, é preciso compreender que, para que o negócio funcione, ele precisa ter um modelo de vendas diferenciado e adaptado à realidade da empresa. 

Abaixo, você vê algumas das opções de modelos de vendas para e-commerces sem estoque. 

Vendas just in time – ou sob demanda

No sistema de vendas just in time, como o próprio nome já diz, tudo é adquirido e transportado na hora exata. Isso significa que, no caso do e-commerce, o revendedor compra o produto apenas no momento em que a compra virtual é concluída — garantindo que aquele material será destinado ao comprador, sem ficar acumulado no estoque. 

Dropshipping

O dropshipping tem algumas semelhanças com a venda just in time. Neste modelo, o e-commerce vende o produto para o cliente e, em paralelo, encomenda o material do fornecedor.

A grande diferença é que, no dropshipping, a gestão do estoque e a logística de entrega são obrigatoriamente de responsabilidades do parceiro — o que não significa, é claro, que o e-commerce não se responsabilizará por eventuais extravios ou danos ao material. Por isso, é essencial ter parceiros de confiança nessa modalidade! 

Negociação a prazo 

A negociação a prazo pode ser usada como uma modalidade de venda complementar às demais. Aqui, o revendedor negocia quantidades específicas dos produtos adquiridos a preços mais atrativos. 

Cabe ao fornecedor combinar com o revendedor as condições e datas de pagamento, bem como o cronograma de entrega.

Em uma boa relação de parceria, a negociação a prazo permite, também, a devolução ou reavaliação de valores de produtos adquiridos e não vendidos. 

Infoprodutos

Outra opção interessante para otimizar seu negócio, como montar e-commerce sem estoque, é apostar na venda de infoprodutos. 🖥️💻📱

Os infoprodutos são itens em formato inteiramente digital, como softwares, e-books ou cursos online. 

Além de representarem a possibilidade de vender sem estoque, são, também, um sinal de que seu e-commerce está antenado às tendências 😎 e ao perfil do consumidor contemporâneo, que tem aderido, a cada dia, a alternativas digitais para suas compras. 

  1. Faça parcerias com o melhores fornecedores

Deu pra ver que os fornecedores são peças-chave para entender como montar um e-commerce sem estoque, né? 

Por isso, o segundo passo depois de definir o modelo de distribuição é correr atrás de verdadeiros parceiros. 

Isso significa mais do que ter disponíveis os produtos vendidos. Significa ser comprometido com a marca, estar disposto a viabilizar os prazos e oferecer, também, o melhor serviço possível para o cliente. 

Pode parecer complicado, mas, com objetivos claros, você descobre em um instante como encontrar bons fornecedores. Pode confiar! 👊

  1. Estude tendências de mercado e o comportamento do consumidor

Com esta dica, passamos para a parte estratégica da resposta à pergunta principal deste artigo. Para descobrir como montar um e-commerce sem estoque, é fundamental fazer uma pesquisa completa sobre as tendências do mercado. 

Por que? — você pode estar se perguntando. 

Porque o comportamento do mercado é capaz de definir a viabilidade (ou não) do seu modelo de venda! — nós respondemos. 🤭

Como se comporta o consumidor do seu nicho de produtos? De que forma ele realiza o pagamento? Como é feita sua pesquisa e quais são as características levadas em consideração antes de fechar negócio? 

Tudo isso lhe ajudará a entender a melhor forma de colocar em prática o seu e-commerce sem estoque, reduzindo as chances de 

  1. Faça um (bom) plano de negócios 

Por fim, entendendo o mercado, os produtos e o modelo de vendas, é hora de colocar a mão na massa e planejar! 

Investir no planejamento, especialmente quando falamos de um negócio sem estoque, é fundamental. Planificar possibilidades, cenários, estratégias e desafios será o seu maior trunfo na hora de gerir o e-commerce. 

Caso você tenha dúvidas sobre como aplicar um plano de negócios no e-commerce, podemos te garantir que, seguindo a base de orientações abaixo, o trabalho ficará bem mais simples: 

  • Levantar as principais informações sobre o negócio;
  • Estudar o mercado de atuação;
  • Criar estratégias eficientes para atingir o sucesso;
  • Propor metas e objetivos.

Quais as vantagens de montar um e-commerce sem estoque?

Certamente, a maior vantagem de montar um e-commerce sem estoque é a economia gerada e a simplificação dos processos de gestão da empresa, além da possibilidade de trabalhar de forma inteiramente digital, sem espaço físico e  ter poucos funcionários (especialmente se a empresa automatizar processos).

Agora que você já sabe como montar um e-commerce sem estoque, já pode começar a estruturar um plano de negócios pautado nesse modelo de vendas inovador e promissor! 

E para se aprofundar mais no tema, veja este vídeo:

Aproveite também para incluir processos de venda e marketing automatizados em sua gestão e poupar esforços da equipe, colhendo resultados precisos e otimizados! 


 Este post foi escrito por Diego Minone, CMO da Pluga – empresa líder em integração de ferramentas web e automatização de processos que elimina tarefas manuais e chatas da sua empresa e aumenta a produtividade (sem escrever uma única linha de código).

GYRA+

Somos uma fintech de crédito que chegou para simplificar a vida do empresário digital. Empréstimo rápido, simples e inteligente.

Great! You've successfully subscribed.
Great! Next, complete checkout for full access.
Welcome back! You've successfully signed in.
Success! Your account is fully activated, you now have access to all content.