Exemplo de capital de giro: aplicações práticas do cálculo

Capital de Giro Out 04, 2018

Segundo a Endeavor, capital de giro é o “valor que a empresa tem para custear e manter suas despesas operacionais do dia a dia — valor esse que é o resultado da diferença entre o dinheiro que você tem disponível e o dinheiro que você deve”.

Aprender como calcular e analisar alguns exemplos de capital de giro, pode auxiliar você a compreender o que esse valor representa e o que ele diz sobre a saúde financeira de sua empresa.

Avaliar seu capital de giro, permite que você entenda não apenas a sua atual situação financeira e a saúde de seu fluxo de caixa, como também diz muito sobre a sua capacidade de crescimento.

Uma breve passagem sobre o que é capital de giro e como calculá-lo

O capital de giro é uma medida comum da liquidez, eficiência e saúde geral de uma empresa. O valor inclui:

  • Dinheiro em caixa
  • Estoques
  • Contas a receber
  • Contas a pagar
  • Parcela de financiamentos e outras contas de curto prazo.

O capital de giro da empresa reflete os resultados de uma série de atividades da empresa, incluindo:

Trata-se de um dinheiro, que fica girando entre pagamentos e recebimentos e que garante que a empresa honrará todos os seus compromissos financeiros.

O capital de giro positivo geralmente indica que uma empresa é capaz de saldar seus passivos de curto prazo, quase imediatamente. Ao contrário, o capital de giro negativo, geralmente indica que uma empresa não será capaz de fazê-lo.

Um dos usos mais significativos do capital de giro é o estoque. Quanto mais tempo o estoque estiver na prateleira ou no depósito, mais tempo o capital de giro da empresa fica amarrado.

Quando não gerenciadas com cuidado, as empresas podem crescer sem caixa, precisando de mais capital de giro para cumprir os planos de expansão.

Isso geralmente ocorre quando uma empresa usa dinheiro para pagar tudo, em vez de buscar financiamento que auxilie nos pagamentos e disponibilize dinheiro para outros usos.

Como resultado, a escassez de capital de giro faz com que muitas empresas falhem, mesmo que elas possam realmente gerar lucro. As empresas mais eficientes investem sabiamente para evitar essas situações.

O cálculo capital de giro de uma empresa é, na verdade um cálculo da necessidade de capital de giro. Para isso, aplica-se a seguinte equação:

NCG = CP – (CR + VE)

Nessa matemática, a necessidade de capital de giro é igual a contas a pagar menos contas a receber somada aos valores em estoque.

  • NCG: necessidade de capital de giro
  • CP: contas a pagar
  • CR: contas a receber
  • VE: valor em estoque

É importante entender que as necessidades de capital de giro variam de setor para setor, especialmente considerando como indústrias diferentes dependem de equipamentos caros, usam métodos diferentes de contabilidade e abordam outros assuntos específicos do setor.

Encontrar formas de suavizar os pagamentos em dinheiro para manter estável o capital de giro é particularmente difícil para os fabricantes e outras empresas que exigem muitos custos iniciais.

Por esses motivos, a comparação e a análise de exemplo de capital de giro, é geralmente mais significativa entre empresas do mesmo setor.

Exemplo de capital de giro

Vamos imaginar que um e-commerce de sapatos tenha um total de:

  • R$ 10.000 em contas a pagar (incluindo aluguel de estoque, fornecedor, funcionários e outras despesas)
  • R$ 10.100 em contas a receber
  • R$ 2.500 em estoque

Capital de giro fórmula: 10.000 – (10.100 + 2.500) = – 2.600

Neste caso, então, a necessidade de capital de giro é negativo.

Já em um e-commerce de materiais como chuveiros e aquecedores, as contas a pagar somam R$ 30.000, os valores a receber alcançam os R$ 10.100 e no estoque há R$ 7.250.

Capital de giro fórmula: 3.000 – (1.100 + 725) = R$ 12.675

Não se engane com o saldo positivo. Lembre-se que a equação representa a necessidade capital de giro, ou seja, se a NCG é negativa, como no primeiro exemplo, você não precisa de capital de giro externo para quitar seus compromissos.

Ao contrário, como no caso do e-commerce de materiais elétricos, se a NCG é positivo, você precisa de capital de giro extra.

No caso da equação com resultado negativo o giro de caixa próprio será suficiente para cobrir as operações da empresa.

Lembre-se: esse cálculo diz respeito ao capital de giro relacionado a manutenção das operações. É necessário analisar e entender como calcular o capital de giro líquido.

Vamos a um outro exemplo de capital de giro. Imagine, por exemplo, que uma empresa possa aumentar seu capital de giro vendendo mais de seus produtos. Se o preço por unidade do produto for R$ 1.000 e o custo por unidade no estoque for de R$ 600, o capital de giro da empresa aumentará em R$ 400 para cada unidade, porque o caixa ou as contas a receber aumentarão.

No exemplo de capital de giro ampliado, descrito acima, é importante notar, se o aumento de vendas não acarretará um aumento de despesas também. Caso isso ocorra, as despesas também aumentarão e o capital de giro não ampliará de maneira integral.

A comparação do capital de giro de uma empresa com seus concorrentes no mesmo setor, pode demonstrar sua posição competitiva no mercado. Se a empresa A tiver um capital de giro de R$ 40.000, enquanto as empresas B e C tiverem R$ 15.000 e R$ 10.000, respectivamente, a empresa A poderá gastar mais para expandir seus negócios mais rapidamente que seus concorrentes.

Uma cartilha sobre capital de giro

A maioria dos proprietários de pequenas empresas já está ciente de seu fluxo de caixa, mas nem todos entendem a diferença entre fluxo de caixa e capital de giro.

Fluxo de caixa é essencialmente a diferença entre todas as suas receitas e despesas em um determinado período. Se você ganhar R$ 20.000 em um mês e tiver que gastar R$ 15.000 em aluguel, salários e compras, então terá um fluxo de caixa positivo de R$ 5.000.

O exemplo de capital de giro é semelhante, exceto pela diferença entre todos os seus ativos e passivos em um ano financeiro. Se todos os seus ativos (propriedades, estoque, renda, etc.) totalizaram R$ 500.000 em um ano e você gastou R$ 400.000 para pagar empréstimos, salários e aluguel, então você tem um excedente de capital de giro.

Aqui está a parte complicada. Por definição, o capital de giro não inclui seu caixa líquido. Se você enfrentar um déficit de R$ 20.000 que precisa ser pago para quitar um financiamento, não é realista vender sua propriedade para cobrir o déficit. No entanto, o estoque que pode ser rapidamente liquidado, por meio de um feirão de descontos, por exemplo, e ser usado para pagar sua dívida.

Um negócio só tem capital de giro elevado se houver liquidez suficiente em suas operações para cobrir suas despesas imediatas.

Como melhorar o capital de giro: 4 dicas

A resposta simples, de uma linha, para melhorar o capital de giro é a seguinte: melhore seus ativos líquidos. Separamos algumas sugestões de como você pode fazer isso.

Reduza os estoques

Se você estiver precisando de capital de giro imediato, uma possibilidade é fazer, por exemplo, uma queima de estoque, com promoções de seus produtos.

Mas, atenção, se manter um estoque muito grande pode colocar sua empresa sob maior pressão para vender, reduzir o estoque demais pode fazer com que você perca vendas, afinal, alguns produtos começarão a faltar.

Além disso, em um feirão, você acaba reduzindo o valor dos seus produtos e também perde margem de lucro.

Se seu objetivo for expandir seu negócio, seja ele um e-commerce ou uma loja física, talvez essa não seja a melhor opção.

Ao contrário, se você deseja ampliar sua empresa, investir em um estoque mais robusto é um dos passos de uma estratégia de expansão de mercado.

Altere o modelo de negócios

Dependendo do seu setor, você pode mudar seu modelo de negócios ou acrescentar uma plataforma de venda.

Por exemplo, se você tem uma loja física, ou mesmo virtual, pode começar a vender online por meio de marketplaces como Mercado Livre, para aproveitar o volume de pesquisas desses canais.

Se você realmente se interessou por essa sugestão, sugerimos que leia o artigo; “Como vender na B2W? Entenda como funciona o marketplace e dicas para vender mais”.

Atualize os termos do fornecedor

As condições de pagamento de seus fornecedores são uma das maiores causas de capital de giro deficiente entre os negócios de comércio eletrônico, e também no físico.

Cada produto passa por seu próprio ciclo de vendas exclusivo. O tempo que leva para um cliente comprar um vestido online é muito mais curto do que o necessário para comprar um smartphone ou uma TV. Considere estes, e outros, fatores antes de concordar com as condições de pagamento a fornecedores.

Muitas vezes, para fechar um negócio, você deverá oferecer condições de pagamento especiais a seu cliente. Dessa forma, caso você não tenha um bom acordo com seu fornecedor, seu capital de giro poderá ficar prejudicado.

Estabelecer um fluxo de caixa saudável e capital de giro é fundamental para qualquer negócio, não apenas lojas de comércio eletrônico.

Realize um empréstimo para ampliar seu capital de giro

Em muitos momentos, quando estamos em busca de crescimento para nosso negócio, precisamos investir para posteriormente colher os frutos, não é mesmo?

Se você deseja abrir mais um canal de venda, seja físico ou online, ou se surgiu um grande comprador que precisa de materiais a pronta entrega, você precisará de mais estoque e em alguns casos, de mais funcionários e mesmo um local maior.

Para que você tome boas decisões ao investir em seu negócio, sugerimos que leia o artigo; Quando fazer um empréstimo: 4 motivos em que o crédito é a opção certa”.

Se depois de todo esse aprendizado e dos exemplos de capital de giro, você identificou que sua empresa precisa de investimento neste setor, para que mantenha suas operações e sua saúde financeira em dia, te convidamos para conhecer a Gyra +. Você pode solicitar um empréstimo para seu capital de giro e recebe-lo em até 72 horas após nossa análise.

Você só precisa seguir 3 passos simples para ter aquela grana que precisa para investir mais no seu negócio:

  • Indique o valor de empréstimo que precisa, em quanto tempo deseja pagar e seu e-mail
  • Com acesso seguro e contínuo às suas contas, conseguimos avaliar a sua atividade em uma fração do tempo dos bancos tradicionais e prover o empréstimo do tamanho ideal e no momento certo.
  • Análise realizada e, se aprovado, dinheiro em até 72h na sua conta

Acesse nosso site, siga nossas orientações e aproveite o melhor de uma plataforma 100% segura.

Great! You've successfully subscribed.
Great! Next, complete checkout for full access.
Welcome back! You've successfully signed in.
Success! Your account is fully activated, you now have access to all content.