Uso de um ERP para planejamento e gestão financeira

Gestão Mar 31, 2020

Não é novidade que a gestão financeira é, se não o coração de uma empresa, um dos pilares mais importantes. Seja qual for o tamanho do negócio, manter a parte financeira em equilíbrio é um grande desafio, dados os tempos de crise e mercado cada vez mais competitivo.

Há alguns anos, o mercado se abriu para o universo online, tornando a compra e a venda, muito mais dinâmicas e facilitadas. Porém, o e-commerce também gera novos desafios a estes empreendedores, que precisam desbravar caminhos e também conhecer o perfil do consumidor, que se transforma com grande rapidez.

Para facilitar o trabalho do empreendedor na gestão financeira do negócio, a melhor dica é a utilização de um sistema ERP de confiança. O ERP é um software de gestão empresarial que otimiza processos administrativos e integra os módulos de gestão, de forma simples e eficiente. É possível estabelecer conexões entre setores importantes da empresa, controlar o fluxo de caixa, o estoque, organizar a comissão de vendas, o processo de logística, até mesmo a emissão de notas fiscais e boletos.

Como o ERP auxilia no controle financeiro?

Como os processos de uma empresa são variados, ter um sistema de gestão diminui o risco de erros em informações financeiras, como fluxo de caixa, rastreando os lançamentos e as saídas. A automatização de processos faz com que as receitas e as despesas estejam integradas com a contabilidade, gerando informações que podem definir os rumos do negócio. O operacional também é beneficiado com um ERP, pois muitos processos manuais tornam-se automatizados outros mais inteligentes devido ao software, que é capaz também de gerar indicadores de performance.

A mobilidade em poder acessar o sistema da empresa de diversos dispositivos e em qualquer lugar (pois ele é online) é outro grande trunfo. Isso permite que a gestão financeira da organização possa ser acompanhada mais de perto e a todo momento. Entre os benefícios destacamos alguns principais pontos que se relacionam com a área financeira:

  • automatização do fluxo de caixa,
  • conciliação bancária;
  • facilidade na realização de análises e projeções;
  • redução e controle dos custos envolvidos em cada atividade executada pela empresa;
  • redução de pessoal decorrente da automatização dos processos.

A implantação de um sistema ERP não só moderniza a empresa, mas também amplia seus ganhos, aumentando sua a competitividade no mercado e melhorando sua gestão financeira.

As vantagens de automatizar a gestão

Para muitos empresários de negócios de pequeno porte, a ideia de contratar um sistema de gestão ERP pode parecer muito distante, ou muito cara, porém, a ferramenta tem se tornado cada vez mais acessível. Os planos de assinatura suprem as necessidades e automatizam grande parte dos processos manuais como controle de caixa, emissão de notas fiscais, controle de estoque, tudo interligado, evitando erros de lançamentos manuais.

A pesquisa do Sebrae também apontou que 70% dos empreendedores têm no negócio a única fonte de renda, tornando-se evidente que a gestão financeira é fator crucial para que a empresa continue a existir. Ou seja, um sistema de gestão torna-se um grande aliado na hora de gerir o negócio, tornando os processos mais simplificados e intuitivos.

Para quem trabalha no e-commerce automatizar é uma regra fundamental, já que toda a operação depende de uma boa organização interna. Entre as principais vantagens está a manutenção dos seus cadastros atualizados, acompanhando as vendas, as entradas e saídas do caixa, o controle de estoque e a organização logística.

Outro destaque são as possibilidades de integração através de canais variados via marketplaces. Quanto maior for o acesso ao mercado, maior será o relacionamento com os clientes e as chances de apresentar valores, vantagens e atributos relevantes do seu produto ou serviço. Quem empreende no meio virtual precisa saber que é fundamental ter uma linguagem omnichannel, o que torna possível a integração o perfil de consumidor atual ao seu negócio.

Um sistema de gestão também acaba, por consequência, reduzindo custos da operação como um todo. Desde a otimização de materiais e compras, através do controle de custos, até a diminuição da necessidade de contratação de mão de obra, já que parte do trabalho manual passa a ser automatizado.  A partir disso, as ações de gestão ficarão mais simplificadas, como o controle do fluxo de caixa, o estoque, a logística, até mesmo a emissão de notas fiscais e boletos. Se ainda não é cliente Bling, faça um teste grátis por 30 dias e confira na prática os benefícios e as facilidades que um sistema de gestão ERP online, descomplicado e eficiente pode fazer pelo seu negócio.

Great! You've successfully subscribed.
Great! Next, complete checkout for full access.
Welcome back! You've successfully signed in.
Success! Your account is fully activated, you now have access to all content.