Qual a diferença entre transportadora e Correios? Entenda a melhor opção

E-commerce 14 de Jan de 2022

Você sabe a diferença entre Correios e transportadora? O serviço de entrega de mercadorias prestado por ambos é essencial para os e-commerces.

Isso porque a etapa de transporte das mercadorias precisa ser tão ágil quanto possível para que o cliente receba o produto com agilidade.

Uma demora maior na entrega pode fazer o cliente comprar com o concorrente que entrega mais rápido ou até abandonar o carrinho de compras.

Mesmo que a diferença entre Correios e transportadora pareça óbvia, a contratação desses serviços têm custos e, por isso, é importante conhecer mais detalhes para escolher a melhor opção.

Quer tirar essa dúvida? Continue a leitura e entenda quais são as diferenças entre Correios e transportadora

Diferença entre Correios e transportadora: características de cada serviço

Além de oferecer uma quantidade de produtos variados para seus clientes, você também precisa contar com uma logística para e-commerce eficiente.

Então, logo que o cliente compra e o pagamento é aprovado, começa o processo de separação da mercadoria, embalagem e depois entra a etapa de entrega do produto.

É nessa parte que muita coisa pode ser complicada se a empresa não sabe qual serviço utilizar.

Entender a diferença entre Correios e transportadora é importante para conseguir analisar qual dos dois é ideal para o seu tipo de produto.

Separamos abaixo as características que você deve analisar em cada opção de serviço para fazer a escolha correta.

Cálculo do valor de frete

O cálculo do frete, que é o custo para transportar um produto do local de envio até o destinatário, é feito com base em características como:

  • peso bruto e dimensões;
  • valor da nota fiscal;
  • distância percorrida;
  • dificuldade de entrega;
  • tipo de transporte;
  • características do produto (frágil, perecível, etc.);
  • tributos e pedágios.

Então, de acordo com o tipo de produto vão existir diferenças entre os Correios e a transportadora.

Nos Correios, o pagamento é feito por encomenda enviada e as embalagens precisam respeitar as dimensões exigidas pelos Correios.

Nas transportadoras, é possível contratar diferentes tipos de entrega como:

  • carga dedicada: quando o produto do cliente ocupa toda ou grande parte da capacidade do caminhão da transportadora;
  • carga fracionada: quando a empresa precisa entregar vários pedidos de produtos pequenos para diferentes destinatários.

De acordo com o tipo de carga, a transportadora faz o cálculo do frete, considerando as características acima.

Prazo definido para entrega

Essa é uma diferença entre Correios e transportadora muito significativa, pois o tempo de entrega dos Correios é muito maior do que de uma empresa de transporte.

Isso acontece porque os Correios realizam uma série de outros serviços, as agências tem uma hora certa para despachar as mercadorias, o que demanda muito mais tempo.

Já as transportadoras, como um serviço dedicado a transportar cargas, conseguem ter processos mais ágeis que melhoram o prazo de entrega dos produtos até o cliente.

Muitas empresas informam no checkout do pedido o valor de entrega para cada opção de entrega oferecida e os respectivos prazos, o que os clientes valorizam bastante.

Volume de pedidos despachados

O número de pedidos também é uma consideração importante para perceber a diferença entre Correios e transportadora.

Quando um e-commerce vende um volume grande de produtos, seja de dimensões grandes ou pequenas que conseguem ocupar todo o veículo, é vantajoso negociar com as transportadoras.

Nos Correios, o custo será por mercadoria despachada, mas também existe a opção de fechar um contrato com os Correios para e-commerce.

Nesse caso, o vendedor precisa pagar uma tarifa mínima única para despachar pedidos em cada tipo de entrega.

Abrangência do serviço

A diferença entre Correios e transportadora nesse quesito é que os Correios são um serviço de abrangência nacional, porém o serviço pode não estar disponível para áreas muito distantes e de alto risco.

Uma vez que a proposta da compra online é estar acessível para todos os consumidores, é importante pensar em formas de seu produto chegar, independentemente da localidade.

As transportadoras conseguem chegar a diferentes lugares, adaptando o tipo de veículo à região de entrega e tomando medidas de segurança.

Isso garante não só o cumprimento do prazo de entrega, mas também a qualidade do serviço.

Segurança das mercadorias

Em relação a segurança, a diferença entre Correios e transportadora está mais ligada às características do produto.

Por exemplo: se você vende produtos resistentes e que não quebram com facilidade, os Correios são um canal seguro para despachar os pedidos.

Já para mercadorias frágeis e grandes, a transportadora consegue oferecer mais segurança e estrutura para entregar o produto intacto como o cliente espera.

O contrato com as transportadoras possui uma cláusula de restituição para incidentes com a carga como roubo, extravio ou perda. Nos Correios, paga-se um seguro de 1% sobre o valor da mercadoria para cobrir possíveis acidentes.

Sistema de rastreamento de pedido

Fechando a lista de diferenças entre Correios e transportadora, ambos os serviços possuem sistema de rastreamento de pedidos.

Esse recurso permite que os clientes da sua loja virtual acompanhem a movimentação do produto comprado até ele ser entregue.

Correios ou transportadora: já sabe a melhor opção?

A transportadora pode ser mais barata que os Correios dependendo do tipo de produto, mas é preciso fazer a análise de cada ponto que mencionamos acima.

Isso porque seu e-commerce pode ser muito bem atendido pelos Correios ou pode ter mais benefícios ao escolher enviar algo por transportadora.

O principal é entender os custos que cada operação vai gerar e o que cada prestadora de serviço pode oferecer de vantagem para o seu negócio.

Precisa de capital para investir em melhorias no serviço de frete? A GYRA+ te ajuda a conseguir empréstimo online em até 72 horas. Acesse o site e nossa equipe vai trabalhar para aprovar um empréstimo para seu negócio.

Não se esqueça que se você for usuário de plataformas como Mercado Livre, Mercado Pago, SkyHub (B2W), Pagseguro, PayPal, Pagar.me, Conta Azul, Rede, Getnet, Cielo, Stone, Bling! ou Wirecard, suas chances de conseguir o empréstimo são maiores.

Saiba mais sobre as integrações da GYRA+.

Marcadores

GYRA+

Somos uma fintech de crédito que chegou para simplificar a vida do empresário digital. Empréstimo rápido, simples e inteligente.

Ótimo! Você se inscreveu com sucesso.
Ótimo! Agora, complete o checkout para ter o acesso completo.
Bem vindo de volta! Você fez login com sucesso.
Sucesso! Sua conta está completamente ativada, agora você tem acesso completo ao conteúdo.