Capital de giro saudável em momentos de crise? Conheça exemplos e saiba como calcular

Capital de Giro Jul 29, 2020

Se você é um empreendedor, ou um gestor, provavelmente sabe que, desde a concepção de uma empresa, prepará-la para suportar momentos sazonais, como uma crise — a atual causada pela Covid-19, por exemplo — é fundamental.

Sabendo que o capital de giro é a soma de recursos financeiros necessários para que uma empresa cubra seus gastos fixos e variáveis, e se mantenha ativa, fica clara a relevância que ele tem para a saúde financeira da sua empresa.

Portanto, se você deseja saber mais sobre capital de giro e como a sua empresa pode manter suas atividades em tempos de crise, continue lendo esse artigo e conheça, além dos cálculos, exemplos de como calcular o capital de giro líquido.

Vamos lá?


Como calcular o capital de giro?

Antes de conhecermos os exemplos de capital de giro, para que você possa se basear durante a crise econômica causada pelo coronavírus, ou Covid-19, é importante que saiba como o capital de giro é calculado.

O cálculo de capital de giro de uma empresa demonstra, na verdade, a necessidade de capital de giro, ou o montante necessário para manter as operações do negócio.

Portanto, para calcular a necessidade de capital de giro subtraia as contas a receber somada aos valores em estoque das contas a pagar. Veja a fórmula abaixo:

NCG = CP – (CR + VE)

  • NCG: necessidade de capital de giro
  • CP: contas a pagar
  • CR: contas a receber
  • VE: valor em estoque

Quer saber mais? Leia nosso artigo e saiba o que é capital de giro.

Como calcular o capital de giro líquido?

Diferente do capital de giro, que está relacionado ao valor necessário para a manutenção das operações de uma empresa, o capital de giro líquido é o valor necessário para a garantia da continuidade das operações do negócio, pois abrange as despesas administrativas, como salários, impostos, empréstimos, entre outros.

Veja abaixo o cálculo do capital de giro líquido (CGL):

CGL = AC – PC

Para calcular o  capital de giro líquido subtraia o passivo circulante (PC) do ativo circulante (AC). Abaixo listamos os valores que se encaixam em AC e PC:

  • Ativo circulante: são todos os recursos disponíveis ou que podem ser convertidos em liquidez, como valores em contas bancárias, aplicações financeiras, contas a receber, entre outros;
  • Passivo circulante: todas as despesas e custos fixos, programados ou previsíveis, como contas a pagar, fornecedores, empréstimos, salários e encargos trabalhistas, aluguéis, entre outros.

Partindo do princípio de que quanto maior o capital de giro líquido, maior a capacidade da empresa em cumprir seus compromissos, é extremamente importante a realização de um acompanhamento através do cálculo de capital de giro líquido da sua empresa.

Assim, diante de um cenário econômico incerto e instável como o atual, identificar este valor e realizar uma gestão de capital de giro eficaz poderá garantir a continuidade das operações do seu negócio.

Capital de giro e capital de giro liquido: exemplos

Agora que você já sabe quais são os cálculos utilizados para identificar os montantes do capital de giro e capital de giro líquido iremos demonstrar, através de exemplos, como calculá-los na prática.

Exemplo 1

Vamos imaginar um e-commerce de moda masculina com ativos circulantes de R$ 60 mil e passivos circulantes de R$ 34 mil, qual seria o capital de giro líquido?

CGL = AC – PC

Capital de giro liquido = R$ 60 mil – R$ 34 mil

Capital de giro liquido = R$ 26 mil

Neste caso, o e-commerce de moda masculina possui capital de giro líquido de R$ 26 mil, portanto é capaz de cobrir suas despesas atuais com o ativo circulante e teria dinheiro de sobra para outros fins.

Se o passivo circulante desta empresa fosse maior do que seu ativo circulante, o resultado seria um déficit de capital de giro, ou seja, a empresa tem risco de se tornar insolvente, podendo vir a recorrer a outras fontes de financiamento de longo prazo.

Vamos agora calcular o capital de giro desta mesma empresa? Ou melhor, qual seria a necessidade de capital de giro dessa empresa?

  • Contas a pagar (incluindo aluguel de estoque, fornecedor, funcionários e outras despesas) = R$ 30 mil
  • Contas a receber = R$ 21 mil
  • Estoque = R$ 5.500 mil

NCG = CP – (CR + VE)

Necessidade de capital de giro = R$ 30 mil – (R$ 21 mil + R$ 5.500 mil) = R$ 3.500 mil

O resultado deste cálculo, que está relacionado a manutenção das operações dessa empresa, e positivo em R$ 3.500 mil.

Mas, não se esqueça de que ele representa a necessidade de capital de giro, portanto, mesmo positiva ela indica a necessidade de capital de giro extra. Em outras palavras, você provavelmente precisará recorrer ao capital de giro externo para quitar seus compromissos.

Exemplo 2

Imagine agora outro exemplo, um e-commerce de vinhos no qual:

  • Contas a pagar (incluindo aluguel de estoque, fornecedor, funcionários e outras despesas) = R$ 8 mil
  • Contas a receber = R$ 7.100 mil
  • Estoque = R$ 2 mil

Usando a fórmula de cálculo de capital de giro, temos que: R$ 8 mil – (R$ 7.100 mil + R$ 2 mil) = – R$ 1.100

Aqui, a necessidade de capital de giro é negativo, ou seja, você não precisa de capital de giro externo para quitar seus compromissos já que o seu próprio giro de caixa será suficiente para cobrir as operações da empresa.

Gostou de observar diferentes exemplos de capital de giro e descobrir como manter o seu planejamento saudável mesmo em momentos de crise?

Consulte as condições de financiamentos que a Gyra+ oferece para empreendedores digitais atingirem todo o potencial do seu negócio.

Em três passos simples, você pode ter aquela grana que precisa para investir mais no seu negócio:

  • indique o valor de empréstimo que precisa, em quanto tempo deseja pagar e seu e-mail;
  • conecte sua conta utilizando as integrações com a Gyra+ ( e muito mais);
  • a análise será realizada e, se aprovada, o dinheiro cai em até 72h na sua conta.

Solicite uma proposta agora mesmo e descubra o crédito que cabe no seu negócio, em todos os momentos.

GYRA+

Somos uma fintech de crédito que chegou para simplificar a vida do empresário digital. Empréstimo rápido, simples e inteligente.

Great! You've successfully subscribed.
Great! Next, complete checkout for full access.
Welcome back! You've successfully signed in.
Success! Your account is fully activated, you now have access to all content.